Recomeçar a vida a dois aos sessenta

Recomeçar a vida a dois aos sessenta ou mais?

Paixão na Terceira Idade.

Texto da psicóloga Elaine Ribeiro

 O que eu pretendia quando escrevi este meu texto há alguns meses era rebater a ilusão de arrebatamento e paixão na terceira idade.

Posso estar errada, mas cada um tem o direito de sentir e pensar de acordo com sua visão de vida.

exerciciomentalrejuvenescimento. Recomeçar a vida a dois.

 

Recomeçar a vida após os 60 anos é muito complicado. Nunca este relacionamento irá nascer de um impulso genuíno como desejo sexual (porque nossos hormônios não têm mais a força da juventude para nos arrastar por paixões fulminantes).

Então os relacionamentos entre duas pessoas com mais de 60 anos só pode nascer de um conhecimento prévio (do passado) entre as partes, ou de muita conveniência de ambas as partes, ou ainda devido a afinidades de gostos por determinadas atividades que podem ser estudos científicos, leituras, hobbys, ou práticas de atividade.

Duas pessoas  de mais de 60 para sentirem prazer em estar juntos precisam ter algo mais entre si que os atraiam, porque a beleza física já não será mais o chamariz, o cheiro de sexo que todo homem e mulher produzem e atraem o sexo oposto ficou no passado antes da menopausa das mulheres e antes da andropausa dos homens.

O que quero dizer é que AMOR, PAIXÃO, ATRAÇÃO  não juntam um homem e uma mulher com mais de 60. O que junta são amizade, admiração, respeito, dependência, carência.

O IDEAL CONTINUA A SER A MANUTENÇÃO DE RELACIONAMENTOS

  1. Manter amizades da juventude, da idade madura, conquistados ao longo da vida
  2. Manter relacionamentos com colegas de trabalho, de estudos, do clube
  3. Ser sócio de um clube de qualquer tipo de esportes ou lazer é uma fonte de relacionamentos
  4. Participar de grupos de viagem para fazer novas amizades
  5. Aprender novas atividades como dançar, pintar, informática onde possa encontrar outros pares

Em todas estas situações sociais os relacionamentos entre um homem e uma mulher podem acontecer e ao longo do tempo as afinidades e conveniências levar a uma intimidade maior como morar juntos ou se frequentarem assiduamente.

MAS SAIR PARA UMA VIAGEM, UM ENCONTRO EM GRUPO OU UM BAILE DA TERCEIRA IDADE ACREDITANDO QUE LÁ ENCONTRARÁ SUA CARA METADE É UMA FANTASIA QUE COM CERTEZA NÃO SE REALIZARÁ DA NOITE PARA O DIA.

Pode ser que de tanto frequentar o mesmo clube, dançar com o mesmo parceiro, ou praticar um esporte juntos, ou ainda dividir conhecimentos literários, ou até serem ambos cinéfilos convictos, a partir daí possa nascer uma convivência maior que convide para uma juntidade como morar juntos.

Embora exista um batalhão de profissionais como médicos, psicólogos, sociólogos, gerontólogos e outros profissionais que trabalham no sentido de ajudar as pessoas de terceira idade a ter uma qualidade de vida, incluindo nisso encontrar sua cara metade que seja um conforto nos anos derradeiros: ESTÁ DIFICIL.

Dificil pelos seguintes motivos:

  1. A estatística mostra que temos muito mais mulheres na terceira idade do que homens.
  2. A mesma estatística mostra que os homens de mais de 60 querem mulheres de no máximo 50 anos.
  3. As mulheres da terceira idade são mais seletivas em qualidade intelectual e integridade moral de companheiros do que o foram na juventude.
  4. Os homens rejeitam de forma escancarada relacionamentos com mulheres acima de 65 anos, exceto se já são amigas e companheiras de longa data.
  5. Na virada dos 50 anos muitos homens abandonam família, esposa ou companheiras da mesma idade, porque acreditam que renovando relações recuperarão a potência sexual perdida.
  6. Se a mulher sessentona se sente inibida de ter um relacionamento com um jovem de menos de 40, os homens sessentões sentem como um vencedores conquistar uma menina de 30 ou menos anos.

Então, não precisa ser matemático para saber que esta conta não fecha. Mais mulheres para menos homens. Mais jovens mulheres que aceitam mais homens sessentões desde que tenham qualificações como dinheiro ou formação intelectual ou vida profissional de sucesso. Muitas mulheres que não aceitam homens mais jovens.

E se a conta para formar um casal é 1H + 1M = casal – vemos aqui que as estatísticas nos mostram que com mais de 60 acaba sendo 3H para 7M. Com certeza aqui, formaremos 3 casais e 4 mulheres ficarão sozinhas para sempre ou terão amizades eventuais.

Agora, que relacionamentos após os 60 anos aumentam a AUTO-ESTIMA, A CONFIANÇA, A SEGURANÇA, O PRAZER DE VIVER, MELHORA TODOS OS ASPECTOS DE SAÚDE FÍSICA E MENTAL é indiscutível. Difícil é acertar o remédio já que ele depende de vários fatores como ATRAÇÃO FÍSICA, CONVENIÊNCIA, CAPACIDADE DE CONQUISTA e AFINIDADES.

 

Regina Célia de Souza – São Paulo,  23 de junho de 2016

 

Add a Comment