Qualidade de Vida na Terceira Idade

Qualidade de Vida na Terceira Idade

O que é Qualidade de Vida na Terceira Idade?

exercicios-na-terceira-idade2 Qualidade de Vida.
Qualidade de Vida, a força que vem de todos nós.

Na juventude qualidade de vida é ter saúde,  beleza , liberdade e dinheiro e por consequência muitos amigos e admiradores(as).

Na idade madura qualidade de vida é ter saúde, conquistado uma boa posição profissional, uma casa, uma família e um círculo de amizade satisfatória.

Podemos observar que nas duas situações acima a SAÚDE é a primeira exigência da qualidade de vida. A saúde é que promove o bem estar, que possibilita ir e vir, ser independente e portanto, feliz.

Também na Terceira Idade a saúde virá em primeiríssimo lugar como exigência para se dizer que se tem qualidade de vida.

avisita-6 Qualidade de Vida. Amar e ser amado.
Qualidade de Vida. Amar e ser amado.

O QUE É PRECISO PARA SE TER QUALIDADE DE VIDA NA TERCEIRA IDADE?

. Saúde.

2º. Uma família para amar e ser amado.

3º. Um teto (casa, apartamento, kit).

4º. Uma aposentadoria ou fonte de renda.

4º. Um círculo de amigos que encha de cor a sua vida.

5º. Um projeto para ser realizado.

 

Saúde

Em todas as idades e em todos os momentos da nossa vida, o nosso bem maior é a Saúde. Tendo Saúde somos fortes e estamos prontos para todos os desafios de trabalho, para os estudos e as conquistas profissionais e amorosas.

Tendo saúde somos donos do nosso destino. Vamos aonde queremos, voltamos na hora que desejamos.

Com Saúde enfrentamos os dragões, os vulcões, as tempestades, o vento, o frio, a fome.

Com saúde corremos quilômetros a pé, montamos em cavalos bravos ou mansos, andamos de bicicleta, motocicleta, dirigimos carros e carroças.

Saúde é nosso bem maior

E A PESSOA DA TERCEIRA IDADE QUE TEM SAÚDE, DISPOSIÇÃO, E DOMINA SUA MOBILIDADE DE IR E VIR, A LUCIDEZ PARA DECIDIR SOBRE TODA A SUA EXISTÊNCIA E ADMINISTRAR SEUS PRÓPRIOS BENS, É UMA PESSOA COM UMA RIQUEZA TÃO GRANDE QUE NEM SEMPRE É AVALIADA.

Muitas vezes não sabemos o bem real que temos e ficamos correndo atrás de outros bens e por estes últimos perdemos o bem mais valioso.

Sem saúde perdemos as forças, o equilíbrio físico, financeiro e psíquico. Sem saúde somos dependentes, carentes de cuidados, de amor, de dinheiro, carentes de tudo.

Quando a Saúde falta,  podemos tentar nos mostrar fortes, com um sorriso forçado, uma gargalhada acanhada, um gemido escondido, mas sem ela (a saúde) nossos rumos se perdem, não existe o futuro a ser planejado e nem o presente para ser festejado.

Estou falando de perda da saúde por doenças graves como um câncer irreversível, um Alzheimer precoce, um derrame cerebral, um acidente com paraplegia irrecuperável.

Não estou falando de resfriados, gripes, pneumonias, bronquites e asmas totalmente controláveis ou curáveis pela medicina atual desde que buscada e aplicada com agilidade.

Família para amar e ser amado

O segundo bem que proporciona qualidade de vida à terceira idade é a Família, a qual é entendida como filhos, netos, genros, noras, companheiro, irmãos, pais e mães se ainda existirem (muito difícil alguém da terceira idade ter pai e mãe).

O velho, idoso ou maduro de todas as idades quando não tem família é um ser isolado, triste e desamparado. Um ser que não tem mais destino, não tem mais por que planejar.

A família é essencial para que a pessoa de terceira idade tenha uma real qualidade de vida, sendo cercado de carinho, amor, apoio físico e psíquico necessários para que ele se sinta seguro.

QUANDO A PESSOA DE TERCEIRA IDADE NÃO TEM FAMÍLIA PORQUE NÃO CASOU, PORQUE NÃO TEVE FILHOS  E JÁ PERDEU TODOS OS SEUS ASCENDENTES, PRECISA CRIAR UM CIRCULO DE AMIZADE, UM PROJETO DE VIDA QUE O ESTIMULE PARA VIVER.

 

Um Teto, uma casa, uma apartamento

Ter um apartamento ou casa próprios onde não precise pagar aluguel é por deveras importante na velhice, porque o corpo não tem mais forças para estar fazendo mudanças de um imóvel para outro e o idoso geralmente se acostuma com seus móveis e utensílios e mesmo quando já está enxergando pouco ele consegue sozinho encontrar objetos que precisa para uso diário, inclusive usar banheiros, chuveiros etc.

Além disso, nem sempre uma aposentadoria por melhor que seja é o suficiente para manter todos os custos de viver e ainda pagar aluguéis que variam de preços ao longo dos anos.

Quando não se tem um teto próprio, na velhice é hora de buscar por um canto na casa de filhos ou em asilos. Isto é terrível.

O velho que vai para um asilo contra sua vontade, muitas vezes se sente infeliz, abandonado, desamado,  e nem o maior conforto e nem o maior carinho de enfermeiros ou cuidadores substitui o calor do aconchego familiar.

O idoso somente deve ir para uma casa de repouso pela sua própria decisão. Ele deve se conscientizar que é o melhor que pode ter e nunca se deveria impor tal situação, a menos que o idoso não tenha mesmo mais condições de permanecer sozinho.

 

Uma Aposentadoria ou Renda que lhe garanta subsistência e independência

A pessoa de terceira idade pode ter filhos que a ajude na subsistência, mas precisa de uma aposentadoria para prover pelo menos parte de suas necessidades pessoais. Aquelas necessidades que muitas vezes não se quer colocar na lista de compras da casa toda.

Mas, a aposentadoria ou renda é necessária. O custo de viver do velho a cada dia fica maior. O idoso tem restrições alimentares, toma remédios (mesmo o mais saudável sempre precisa de remédios), o idoso precisa de lazer, prazer, alegria e também precisa dar vasão à vaidade indo a cabeleireiros, manicures e pedicuros.

Entretanto, está difícil o velho ou idoso ter uma renda de aposentadoria que lhe supra todas as necessidades. Se ele não tiver uma boa e volumosa poupança que retirando parte para despesas mensais ainda sobra lá dinheiro para render mais, se não tiver este suporte, com certeza terá que estender as mãos para filhos e parentes.

No momento atual para se manter uma qualidade de vida com saúde, moradia, alimentação e lazer o indivíduo precisa de uma aposentadoria de pelo menos R$ 5.000,00 se não tiver casa própria e tendo casa própria, pelo menos R$ 3.000,00.

Um Círculo de Amigos para colorir sua vida e suprir as ausências da família

Uma pessoa de terceira idade mesmo tendo uma família que o acolhe e enche de cuidados, precisa também de um círculo de amigos para botar conversa fora, para confidências em assuntos próprios da idade, e também para sair, passear, ir ao cinema, ao clube, e até viajar se for possível.

Ter amigos novos ou antigos é mais uma das riquezas que uma pessoa pode conservar para ao longo da vida manter uma boa qualidade de vida.

Quem tem muitos amigos nunca está só. Quem tem poucos amigos fiéis tem um tesouro que deve guardar a sete chaves.

Um Projeto de Vida para ser realizado enquanto está vivo

A pessoa que se aposenta, ou que entra na terceira idade, queremos dizer  tem mais de 60 anos, não deve deixar de sonhar e nestes sonhos criar planos de vida ou ter um PROJETO a realizar.

Se a pessoa não precisa de dinheiro, pode ter como PROJETO o qual seja prestar assistência social em asilos, orfanatos, hospitais, ou continuar dando aulas particulares em casa a um preço simbólico se for professor, ou tiver bons conhecimentos.

 

Se precisa aumentar a renda pode criar projetos pessoais como:

  1. Artesanatos, bordados, pinturas etc
  2. Costuras e pequenos consertos de roupas para vizinhos e amigos
  3. Digitação se tem habilidade no computador
  4. Dar aulas de alguma disciplina que domina e fazer isto em casa
  5. Participar de um plano de renda extra na internet sempre assessorada por alguém que tem experiência
  6. Vender perfumes, cosméticos, bijuterias
  7. Aprender a fazer unhas e fazer em seu próprio domicílio

Pessoas que tem formação de nível superior poderá prestar consultoria ou assessoria para escritórios, tradutores e redatores, tudo a partir de casa.

QUALIDADE DE VIDA SOMOS NÓS QUE CRIAMOS PARA NÓS MESMOS. CADA UM SABE QUAL O ITEM QUE FALTA PARA A SUA VIDA SER MAIS COMPLETA, e para isto deve CORRER ATRÁS.

 

Na nova versão do blog COMUNIDADE DOS SESSENTÕES fiz um artigo muito interessante sobre RENDA EXTRA NA TERCEIRA IDADE – e oferecemos possibilidades de apoio aos sessentões nos projetos de trabalho online – cliqueaqui e saiba mais

 

Regina Célia de Souza – São Paulo, 24 de junho de 2016

 

Add a Comment